Iniciativas Sustentáveis

Water-Gen: uma nova forma de lidar com a escassez de água no mundo

Com os problemas de mudanças climáticas acontecendo em todo o mundo e os desafios enfrentados por conta disso, empresa consegue tirar água até do ar

A falta de água potável para consumo é um dos maiores problemas sociais que a sociedade enfrenta ainda hoje. O número de pessoas que morrem por consumirem água contaminada é absurdo. Pensando no que poderiam fazer para mudar esse cenário, a empresa israelense Water-Gen deu um jeito de, literalmente, tirar água do ar.

A companhia criou dispositivos que extraem e armazenam água potável pela condensação da umidade do ar. “Simplificando, [nossa tecnologia] utiliza o mesmo processo que um desumidificador, mas em vez de apenas capturar, também limpa a umidade”, diz o CEO da Water-Gen, Arye Kohavi.

A Water-Gen não é a primeira empresa a fabricar um dispositivo com essa função, mas segundo a equipe, sua máquina, conhecida como gerador de água atmosférico, tem muito mais potência do que qualquer outro dispositivo disponível no mercado. Em relação ao custo, com os preços atuais de energia, a estimativa é de que cada 3,7 litros de água produzida custaria cerca de dez dólares.

Os dispositivos que a empresa disponibiliza existem em três tamanhos: industrial, médio e um tamanho específico para casas e escritórios. Cada máquina vem equipada com um sistema de folhas de plástico que esfria o ar e coleta qualquer condensação subsequente. A água coletada passa por um filtro para tirar qualquer químico ou micro-organismo.

O menor dispositivo rende 18,9 litros por dia, enquanto o maior pode produzir até 302 litros diários. A Water-Gen começou seu negócio disponibilizando seus aparelhos para os exércitos israelense, francês e estadunidense, mas a empresa afirma que atualmente o foco é produzir para comunidades em países que enfrentam crises hídricas.

A companhia está negociando com governos de países como Estados Unidos, Índia, China, México e até Brasil. Estão atualmente fazendo testes de campo em Mumbai, na Índia, e em Xangai, na China. A Water-Gen também afirmou que está investindo em indústrias manufatureiras para produzir as máquinas em larga escala e comercializá-las. A empresa estima que o produto poderá começar a ser comercializado em 2017.

Fonte: Fonte: eCycle

CONTATO

(81) 2127-0600

mvs@sindusconpe.com.br

CNPJ 11.010.725/0001-87